LOGÍSTICA EFICIENTE

Dispositivo antifurto de combustíveis

O transporte de cargas no Brasil sofre muitas fraudes. Segundo a Associação Nacional do Transporte de Cargas & Logística (NTC&Logística), em 2014 o roubo de cargas causou prejuízo de R$ 1 bilhão e cresceu 16% no ano. O furto de combustíveis causa transtornos para distribuidores, transportadores e sociedades, além de comprometer o desempenho de empresas e oferecer riscos de explosão, incêndio, intoxicação, contaminação e derramamentos. Em 2015, uma única quadrilha presa em Manaus furtava e revendia 500.000 litros de óleo diesel por mês, causando transtornos no abastecimento de energia e diesel e um prejuízo estimado em R$ 24 milhões.
Fibras óticas têm sido utilizadas com sucesso em aplicações tradicionais como transmissão de dados e iluminação, ou aplicações alternativas como sensores, lasers e também instrumentos médicos. Sua utilização em conjunto com circuitos inteligentes e módulos de comunicação proporciona uma aplicação como dispositivo para garantir segurança ao transporte de diversas cargas, inclusive combustíveis em caminhões tanque.
Desenvolvimento e Desafios
A inovação propõe a utilização de sensores baseados em fibras óticas para identificar e armazenar horários de ocorrência de eventos de abertura e fechamento das válvulas do caminhão tanque, para posterior comunicação sem fio com um dispositivo externo. Além dessas características optoeletrônicas, os sensores devem ser seguros, invioláveis, baratos e adequados às regulamentações pertinentes.
Esta abordagem permite a confirmação de que as válvulas do caminhão tanque tenham sido abertas e fechadas somente em locais e horários de origem e destino do produto transportado, impedindo ações fraudulentas.
Desenvolvimentos futuros permitirão a aplicação da tecnologia em diversos outros segmentos:
• Monitoramento de portas de caminhões para transporte de diversas outras cargas: medicamentos, cigarros e eletrônicos.
• Monitoramento remoto de válvulas em operação em plantas industriais de diversos segmentos como petroquímica, química, ambientes tóxicos ou perigosos.
Equipe de Desenvolvimento
Os desenvolvimentos serão realizados pela hubz, em associação com o LIF, Laboratório de Instrumentação e Fotônica da Coppe/UFRJ. A hubz acumula experiência na estruturação e execução de projetos inovadores, com o objetivo levar ao mercado inovações baseadas em tecnologias emergentes. O LIF é um laboratório multidisciplinar que atua em projetos de P&D em tecnologia fotônica, consultoria em instrumentação, sensoriamento e sistemas a fibras ópticas para as áreas de telecomunicações, industrial, biomédica, petróleo, meio ambiente e energia.
Maturidade da Tecnologia
A tecnologia encontra-se em TRL (technology readiness level) 5, evidenciado pela já validação do sensoriamento em testes feitos para o controle de chaves seccionadoras de subestações elétricas.
Incentivos a Investimentos em Inovação
Incentivos financeiros e fiscais estão disponíveis para empresas que investem em pesquisa, desenvolvimento e inovação. Deduções fiscais, empréstimos com taxas de juros subsidiadas e até mesmo sem a necessidade de reembolso proporcionam impactos importantes nas finanças destas empresas.